Vida sexual descomplicada após os 50 anos!

Fez cesárea? Fique atenta aos cuidados com a cicatriz!
15 de Fevereiro de 2018
Março é o mês mundial da conscientização da endometriose! Estamos juntas nessa luta.
2 de Março de 2018

Muitas pacientes me perguntam se após a menopausa a mulher abandona a sua vida sexual e não sente mais desejo, e eu sempre digo que esse é um grande mal-entendido, já que elas podem passar pela vida inteira mantendo relações normalmente.

A sexualidade depois dos 50 anos varia de acordo com cada mulher. Quando o corpo deixa de menstruar, existe a diminuição de estrogênio, por isso há a perda de lubrificação. No entanto, existem alguns medicamentos com reposição hormonal que podem suprir essa falta, além de tratamentos específicos que estimulam a lubrificação e a sensibilidade do organismo da mulher.

Para chegar aos 50 anos com a vida sexual saudável e ativa é fundamental que as mulheres conheçam o corpo, os desejos e os pontos que proporcionam prazer. Rever os pensamentos do público feminino em relação à sexualidade nesse caso é importante e pode ajudar.

O órgão sexual feminino vai envelhecendo com o passar dos anos, assim como todo o resto do corpo. Se a mulher não busca informações e desiste das relações, a vagina vai atrofiando, o que pode causar desconforto na hora do sexo.

Por isso, procure orientação médica caso encontre dificuldades para lidar com a situação, pois a maioria deles podem ser resolvidos facilmente. Agende um horário, será um prazer lhe ajudar!

Conheça o tratamento da atrofia vaginal utilizando o laser.

Sua saúde e a saúde de sua família são muito importantes, cuide com muito carinho. Por isso, em caso de dúvidas procure um profissional capacitado para atendê-los integralmente. As informações neste site pretendem apoiar e não substituir a consulta médica. Procure sempre uma avaliação pessoal com um médico da sua confiança.

Beijos
Dra. Priscila K. Matsuoka | Ginecologia e Obstetrícia | CRM 133872
Sem conflitos de interesse a declarar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *