Leite Materno: amor que alimenta!

A adenomiose pode virar câncer uterino?
4 de agosto de 2017
A saúde da mulher na pós-menopausa
9 de agosto de 2017

Com o intuito de enfatizar o quanto o leite materno faz a diferença na vida da criança, o Ministério da Saúde e a Organização Mundial de Saúde (OMS) promovem do dia 1º ao dia 7 de agosto a Semana Mundial da Amamentação.

Por isso, especialmente hoje, queremos falar sobre a importância da amamentação adequada. ⤵️

O leite materno é o alimento mais completo e nutritivo que o bebê deve receber pelo menos até os seis meses de vida. Nos primeiros dias após o parto, a mãe produz um leite chamado colostro que possui uma quantidade maior de anticorpos e células maduras que ajudam na imunização do bebê. Amamentar comprovadamente diminui o risco do seu bebê desenvolver câncer como de rim, esôfago, pâncreas e endométrio!!!

Mas não é apenas o bebê que se beneficia com a amamentação. Através desse ato, além de aumentar o laço afetivo entre mãe e filho, amamentar diminui o tempo de sangramento pós-parto, faz o útero voltar mais rápido ao tamanho normal, previne a anemia e o câncer de mama.

A minha dica é: Amamentação é um gesto de amor. Aproveite este momento mágico que pertence apenas a vocês! 👶❤️

Sua saúde e a saúde de sua família são muito importantes, cuide com muito carinho. Por isso, em caso de dúvidas procure um profissional capacitado
para atendê-los integralmente.

As informações neste site pretendem apoiar e não substituir a consulta médica. Procure sempre uma avaliação pessoal com um médico da sua confiança.

Beijos 💋
Dra. Priscila K Matsuoka | Ginecologia e Obstetrícia | CRM 133872
Sem conflitos de interesse a declarar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *