Dra. esclarece as vantagens do tratamento laparoscópico na endometriose!

Você sabe o que é Endometrioma de Ovário?
25 de outubro de 2017
4 cuidados que você precisa ter com a saúde íntima no Verão!
24 de novembro de 2017

Já falei aqui na página sobre a endometriose, uma doença inflamatória caracterizada pela presença de tecido semelhante ao endométrio fora da cavidade uterina, que pode desencadear uma série de sintomas incômodos, como cólica menstrual forte, dores durante as relações sexuais, dor ao urinar ou evacuar durante o período menstrual e infertilidade. (Leia aqui: https://goo.gl/C3PKdE)

Em casos em que há necessidade de tratamento cirúrgico da endometriose, vou mostrar as principais vantagens de realizar o tratamento por via videolaparoscópica.

A videolaparoscopia é um procedimento minimamente invasivo, que tem como objetivo identificar e retirar todos os focos da endometriose, preservando os órgãos que poderiam ser danificados com a progressão da doença. Com uso da câmera é possível obter a magnificação da imagem da pele e cavidade abdominal, sendo possível, portanto, detectar lesões muito pequenas e milimétricas.

As principais vantagens do tratamento laparoscópico incluem:

  • Redução do período de recuperação;
  • Diminuição da dor no pós-operatório;
  • Menor sangramento intra-operatório;
  • Melhores resultados estéticos por conta da cicatriz menor (quase imperceptível);
  • Retorno mais rápido às atividades diárias em comparação à cirurgia convencional.

Clique aqui e agende uma avaliação.

 

Sua saúde e a saúde de sua família são muito importantes, cuide com muito carinho. Por isso, em caso de dúvidas procure um profissional capacitado para atendê-los integralmente.

As informações neste site pretendem apoiar e não substituir a consulta médica. Procure sempre uma avaliação pessoal com um médico da sua confiança.

Beijos
Dra. Priscila K Matsuoka
Ginecologia e Obstetrícia
CRM 133872

Sem conflitos de interesse a declarar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *