Dor durante a relação sexual: Isso é normal?

Você já ouviu falar sobre Gravidez Ectópica?
21 de agosto de 2017
Doutora, por que a infecção urinária é mais frequente em mulheres?
15 de setembro de 2017

A dor que sentimos durante a relação sexual é chamada de dispareunia. Algumas pacientes têm esse problema durante a penetração, porém, também pode aparecer no fundo da vagina. Primeiramente, antes de esclarecer as principais causas do desconforto, é importante ressaltar que a dor é um forte indício de que há algum problema, pois, não é normal ter dor durante uma relação sexual!!! Isso, de fato, atrapalha a vida de muitas mulheres, gerando sensação de culpa, frustração e medo.

Outros sintomas que podem acompanhar a dispareunia são uma sensação de queimação que surge logo no início da penetração, podendo ocorrer, também, em várias áreas contíguas a vagina, como na vulva, bexiga e reto. Outras pacientes apresentam cólicas fortes após a relação sexual.
Existem sim, fatores psicológicos que podem desencadear dores na relação sexual, sejam eles por trauma, violência sexual prévia ou medo. Estas alterações podem culminar em contrações musculares involuntárias na área da vagina, gerando dor e até impossibilidade de penetração. Mas, vale lembrar que fatores psicológicos são fatores de exceção e sempre é importante excluir outras causas.

Entre as principais causas de dispareunia de penetração podemos incluir: a atrofia genital, falta de lubrificação adequada, infecções ou vulvodínia. Na dispareunia de profundidade as principais causas são: endometriose, infecção, câncer, varizes pélvicas, entre outras.
Vocês perceberam que diversas condições podem causar a dor na relação sexual? Por isso, a avaliação com um ginecologista é fundamental para eleger o melhor tratamento para cada caso. Sem contar, que o tratamento poderá trazer muitos benefícios para a sua vida sexual, sua intimidade emocional e sua autoestima.

Sua saúde e a saúde de sua família são muito importantes, cuide com muito carinho. Por isso, em caso de dúvidas procure um profissional capacitado para atendê-los integralmente. As informações neste site pretendem apoiar e não substituir a consulta médica. Procure sempre uma avaliação pessoal com um médico da sua confiança. 💕💕

Beijos 💋
Dra. Priscila K. Matsuoka | Ginecologia e Obstetrícia | CRM 133872
Sem conflitos de interesse a declarar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *